Super Fruits Slot

Super Fruits Slot - Escola de Saúde Pública de Fortaleza ofertará cinco cursos de especialização; veja quais

ESPFor tem o objetivo de capacitar servidores da saúde municipal e profissionais da saúde que buscam formação especializada

A Escola de Saúde Pública de Fortaleza (ESPFor), criada por meio de decreto nesta quinta-feira, 14, oferecerá cinco cursos de especialização a partir do início das atividades. O prédio onde a escola deve funcionar está sendo reformado para abrigar salas de aula, laboratórios, biblioteca e setor administrativo. Em quatro meses, de acordo com o prefeito José Sarto (PDT), a ESPFor estará pronta para receber os alunos.

Seja assinante Super Fruits Slot+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Segundo Anamaria Cavalcante e Silva, coordenadora de Educação em Saúde, Ensino, Pesquisa e Programas Especiais da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), os cursos ofertados serão especializações. São eles: enfermagem em cardiometabolismo na estratégia de saúde da família, saúde na primeira infância, saúde do adolescente, saúde mental e gestão da informação e dados sensíveis nos processos de trabalho do SUS.

“Focamos naquilo que mais adoece a população, o que mais interna, o que mais mata, seguindo critérios epidemiológicos. São eles a nossa prioridade”, explica Anamaria sobre a escolha dos temas dos primeiros cursos. Poderão se inscrever para as formações servidores públicos ligados a SMS, mas também profissionais da saúde que não sejam da rede municipal.

“Os cursos não são só para servidores. A Escola de Saúde Pública é do povo de Fortaleza. Nós temos que formar e habilitar todas as pessoas que querem ser profissionais da saúde”, afirma. As seleções serão feitas por meio de editais.

A ESPFor também atuará na formação de residentes médicos e multiprofissionais, incluindo áreas como odontologia, enfermagem, psicologia e fisioterapia. “Nós já temos residência médica na área de pediatria, medicina da família, obstetrícia e emergência no IJF. Mas estão focadas na Escola de Saúde Pública do Ceará (ESP/CE) porque não éramos uma entidade de ensino”, explica Anamaria.

Conforme o prefeito Sarto, o orçamento para manter a escola será, inicialmente, de origem municipal. “Mas nós vamos buscar parcerias federais, internacionais e com a academia”, afirma. Sarto diz que o objetivo da ESPFor é também formar profissionais da Região Metropolitana de Fortaleza por meio de parcerias com os municípios da região.

Escola ficará localizada na Praia de Iracema

A Escola de Saúde Pública de Fortaleza será sediada no antigo prédio do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), na Praia de Iracema, e contará com laboratórios, salas de aula, auditórios, biblioteca especializada e espaços de convivência para estudantes e professores. Foram alocados R$ 500 mil para a reforma do espaço.

Anamaria conta que trabalhos já são feitos com a população do Poço da Draga, comunidade próxima da sede da escola. “Nós começamos a percorrer o bairro no entorno da escola, principalmente no Poço da Draga, que tem uma população que está lá há décadas. Eles também vão ser professores da escola, temos que aprender com eles”, ressalta.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

escola saude publica fortalezaespforsaude de fortalezaespecialização saude fortaleza

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar
Super Fruits Slot Mapa do site